Ribeauvillé – Visitando a feira medieval

Na França, cidades e vilas podem receber uma classificação, que é medida por quantidade de flores, de acordo com o compromisso do governo local com a melhoria da qualidade de vida da população, principalmente em relação ao incentivo a cultura de cuidados da flora local.

E esse trabalho comunitário resulta em um espetáculo de cores e fofice das flores e plantas espalhadas pela cidade, para que os seus moradores e seus visitantes como nós aproveitem.

Homenagem aos menéstreis da cidade
Homenagem aos menéstreis da cidade

A história e a como a classificação das cidades é realizada pode ser vista pelo site: http://www.villes-et-villages-fleuris.com/. Na prática, quando você entra na cidade é só procurar por uma placa amarelinha, que geralmente fica perto do nome da cidade, indicando a quantidade de flores que a cidade recebeu.

1359044593_3_fleurs_24442Nós já tivemos a chance de visitar as seguintes Villes et Villages Fleuris, clicando no nome vai levar ao post correspondente:

Colmar, Lyon, Nice, Cannes, Dijon, Aix-en-Provence, Valensole, Saint Rémy de Provence, Cassis, Avignon, Nancy, Giverny, Versailles, Ensisheim, Eguisheim, Hunawihr, Riquewihr, Niedermorschwihr.

DSC_0864No final de semana em que fomos ao le Parc du Petit Prince, ao invés de fazer somente um bate e volta, decidimos dormir na cidade de Ensisheim e depois ver o que iríamos fazer no dia seguinte.

DSC_0850

Maaas recebemos uma mega dica dos nossos amigos que encontramos no parque de que na cidadezinha de Ribeauvillé estava acontecendo uma feira medieval.

E foi pra lá que fomos!

DSC_0876A cidade de Ribeauvillé é pequenina e bem fofa. Por ser pequena, pra estacionar foi um tico difícil, pois todo mundo queria visitar a feira medieval… Tava um pequeno caos, mas deu tudo certo.

Visitamos primeiro a cave da cidade, com o nome da cidade Ribeauvillé, onde o maridoviski ficou minutos e minutos de um lado pra outro decidindo que vinho iria comprar.

DSC_0624 DSC_0630

Enquanto isso eu e a picurucha ficamos na salinha de recreação, ela se divertindo com os brinquedos e eu vendo as fotos do dia anterior.

DSC_0633

DSC_0636Compra feita, atravessamos a rua e chegamos à feira propriamente dita. Várias tendas, pessoas vestidas a caráter, artigos de lã, couro, espadas e geleias.  Tudo feito de maneira a simular a época medieval. Muito interessante.

DSC_0652

DSC_0657

DSC_0650O que mais gostei foi do suco de maçã, espremido até a última gota na roda de madeira e pedra, para depois ser servido numa máquina inteiramente de madeira.

DSC_0669

DSC_0667

DSC_0661

DSC_0665Até a comida, que aliás estava muito gostosa, era servida de forma medieval, com prato e talheres de um bambu. A experiência foi bem interessante.

DSC_0673

DSC_0676

DSC_0677Depois demos mais uma andada pela feira e vimos uma reconstrução de uma capela com ossos. Este tipo de “decoração” representa o respeito a efemeridade da vida. Mais uma vez, muito interessante.

DSC_0700 DSC_0701

No local também havia a possibilidade de brincar de arco e flecha, não teve jeito lá foi o maridoviski… Eu até tentei, mas das três tentativas acertei só umazinha. 🙁DSC_0722

DSC_0714

DSC_0738Durante o nosso passeio pela feira, vimos até uma demonstração de duelo de espadas e aquela corrida de cavalos em que o cavaleiro carrega uma looonga lança para tentar derrubar o adversário. Tudo muito bem feito e divertido.

DSC_0758Aí depois foi a hora de conhecer o centrinho antigo da cidade, que é bem típico da região da Alsácia. Repleto de casas em estilo enxaimel, cores vibrantes e com janelas hiper mega fofas.

DSC_0769

DSC_0781

DSC_0788

DSC_0806

DSC_0814Um detalhe é que da rua principal do centrinho é possível ver as ruínas do castelo de Saint Ulrich. Existe a possibilidade de visitar, inclusive com entrada gratuita, mas acabamos não conseguindo ir.

DSC_0774

DSC_0824

DSC_0842Como o tempo já estava com cara de chuva, decidimos ir embora. Mas não antes de comprar guloseimas fresquinhas, que foram devoradas no caminho de casa.

DSC_0892

DSC_0894

DSC_0831Depois de visitar Ribeauvillé, passamos rapidamente por Riquewihr, que acabou me dando um comichão enorme para visitá-la.

E como ela faz parte das Les Plus Beaux Villages de France, pensei no projetinho, visitar as Les Plus Beaux Villages de France da região da Alsácia. E elas vão ser as protagonistas de nossas próximas postagens.

Ps.: Não podemos esquecer, Pri e Nielsen, obrigado pela dica de Ribeauvillé! 😀

Organize melhor sua viagem
  • Já reservou o seu Hotel? Nós usamos e recomendamos o Booking, melhor site para reserva e com opções em todos os lugares do mundo, além disso temos um post com nossas dicas de como escolher o melhor lugar para se hospedar.
  • Já garantiu as Entradas dos lugares que vai visitar? A melhor maneira de economizar tempo e dinheiro é comprar os tickets com antecedência, o TicketBar oferece os melhores descontos e opções nos melhores e mais conhecidos destinos do mundo.
Todas as indicações são de empresas parceiras, seguras, confiáveis e utilizadas por nós.

Viviane N M Amorina

Nasci em São Paulo/Brasil e me formei em Engenharia de Alimentos pela UNICAMP. Sempre gostei de viajar, com a vontade de conhecer mais do mundo. Hoje moro em Ettlingen na Alemanha, onde trabalho e divido meu tempo com minha filha, marido e viagens com família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *