Um domingo divertido no Parque da Mônica em São Paulo

A turminha criada pelo querido Mauricio de Souza é um ícone nacional. Não há adulto neste Brasilsão que não tenha lido pelo menos uma única vez uma revistinha da Turma da Mônica.

Mônica, Cebolinha, Magali, Cascão e cia. fazem parte da infância de qualquer criança com historinhas tratando desde assuntos cotidianos até de assuntos mais sérios, que servem também para adultos pensarem.

parque da monica

 

O mais bacana de tudo é que hoje como pais, podemos mostrar para a nossa pequena as histórias com as quais nos encantamos há mais de 30 anos atrás. É uma passagem de conhecimento, tradição bem legal de se vivenciar.

Lembro que há uns quinze anos atrás minha mamis, que era cuidadora em um jardim-de-infância, foi ao Parque da Mônica, que ficava no shopping Eldorado. Não fui, pois tinha aula naquele dia, mas ela me trouxe uma mochilinha que eu guardo com carinho até hoje.

Depois anos mais tarde o parque infelizmente fechou e isso deixou muita gente triste inclusive eu que sempre no fundo quis visitar o parque.

Mesmo morando na Alemanha, começamos a mostrar o mundo da Turma da Mônica para a nossa baixinha, com a ajuda do Youtube e de nossa família que a presenteia com revistinhas e revistas de passatempo. Ah! Ela também tem a Mônica e o Sansão que substitui o coelhinho da Páscoa até hoje 😛

Nessa nossa última viagem para o Brasil, nós descobrimos para a nossa surpresa que o parque reabriu e aproveitamos para ir com a pequena. E como ele tem apenas um aninho de funcionamento, está tinindo de novo.

Vamos para a parte prática.

Onde fica e como chegar ao Parque da Mônica em São Paulo

Localizado no SP Market, na Avenida das Nações Unidas, o Parque da Mônica é de fácil acesso seja por carro próprio ou transporte público.

Como o trânsito de sampa é de matar independente do dia da semana decidimos ir de transporte público. A estação que dá acesso ao SP Market é a de Jurubatuba, linha Esmeralda.

Da saída da estação de trem até a entradinha do estacionamento são cinco minutinhos, e já na entrada do shopping tem um painel que já dá para achar o parque lá dentro.

Compra de ingressos

Os ingressos infelizmente só podem ser adquiridos na hora, na bilheteria do parque. O ponto positivo é que eles são válidos por 30 dias a partir da data da compra e pode parcelar o valor em até cinco vezes.

Ah! Mesmo tendo sendo válido por 30 dias é legal ficar de olho nos dias de abertura e horários do parque que mudam de acordo com o dia da semana e mês. No site oficial dá para se programar direitinho.

Nós ganhamos quatro ingressos cortesia do parque e o ingresso extra que precisamos, compramos direto na bilheteria como descrito antes.

parque da monica

Estrutura do Parque da Mônica

O Parque da Mônica é divido em cinco setores:

A – Setor Vermelho

O setor vermelho é o setor de entrada do parque, onde a gente vê a estátua do Maurício de Souza com o Bidu 🙂

parque da monica

 

É o setor onde se concentram os brinquedos para as crianças menores, é tanto que o carrossel e a roda gigante não fizeram sucesso com a nossa baixinha, que falava a todo momento que já é grande para ir no carrossel.

Também é o local onde tem a casa da Mônica que é uma fofura, o quarto do Cebolinha e outras atividades interessantes como a cozinha da Magali e o atelier da Marina.

parque da monica

 

O que faz sucesso mesmo nesse setor é o greet and meet com a Mônica e Magali, que ocorrem em horários determinados durante o dia na casa da Mônica.

Aí é hora de encarar uma senhora fila, não que ela seja grande, pois tem uma quantidade determinada de pessoas por sessão, mas tem que chegar uns 30 – 35 minutos antes para conseguir lugar.

Foi muito gostoso ver a nossa baixinha toda feliz em ver e poder abraçar a Mônica e a Magali. Até agora ela não para de falar nisso. E o sorrisão então?

parque da monica

parque da monica

 

Se quiser tirar uma foto com o Louco é só ir atrás da casa da Mônica perto do brinquedo do Horácio. Mas tem que ficar esperto, pois são dois horários somente.

Caso a genoveva esteja atiçada aqui é a área para acalmá-la. Todas as guloseimas e lanchinhos rápidos estão por aqui.

B – Setor Amarelo

Neste setor a baixinha já começou a sua aventura de vez, fez melhor, tentou a parede de escalada do Piteco. Aliás, fica o nosso parabéns para os monitores desse brinquedo! Quanta atenção e carinho com os pequenos!! Muito legal.

parque da monica

parque da monica

parque da monica

 

Já no posto do Bidu, ela e o maridoviski ficaram correndo de um lado pra outro com os carrinhos.

E claro, o meet and greet com o Cascão e Cebolinha!!! Ela adora os dois!! Nem preciso dizer que ela adorou né.

Como no greet and meet da Mônica e Magali, a fila é liberada uns 30-35 minutos antes do horário e o mesmo ocorre ao lado do palco principal.

parque da monica

 

Ah! O meet and greet com o Chico Bento e Rosinha é também aqui, em horários diferentes.

parque da monica

 

Também nesse setor estão as áreas para festas de aniversário, o palco de eventos (perdemos todas as apresentações :/) e o castelo de príncipes e princesas que é uma atração à parte.

E como em todo parque temático, o lojinha estava lá. Uma infinita quantidade de produtos com o tema da Turma da Mônica, muito legal! E a vontade de levar tudo? Conseguimos nos comportar.

parque da monica

parque da monica

parque da monica

C – Setor Roxo

No setor roxo, temos o brinquedo que achei mais fofo do parque: a Pescaria do Chico Bento. É um carrossel no qual as crianças andam em peixinhos. Como era um carrossel disfarçado a baixinha adorou.

parque da monica

parque da monica

 

Outro brinquedo que ela brincou bastante foi o Engenheiros do Parque. Um espaço onde os pequenos poderiam se vestir com capacete, colete e então trabalhar construindo o que der na telha.

parque da monica

parque da monica

 

O brinquedo Horacic Park estava em manutenção o que foi uma pena, pois estava doida lembrar da sensação do Splash do Playcenter. O legal é que depois ganhamos ingressos de retorno para compensar essa manutenção. Os primos da baixinha agradecem 😀

E para finalizar o McDonald´s para saciar a fome de uma genoveva brava.

D – Setor Azul

Essa foi a área que mais ficamos do parque, pois contempla todos os brinquedos que mais chamaram a atenção da baixinha, tirando o Brinquedinho da Turminha.

No brinquedo Ce-Bolinhas, Vale dos Dinossauros ela foi duas vezes em cada. Ficar jogando bolinhas de espuma com todas as parafernalhas e sair andando nas passarelas suspensas fizeram sucesso.

Já na Trombada do Louco o sucesso foi limitado. Acho que foi muita emoção ao dirigir com o maridoviski.

O Brinquedão do Chico Bento foi sucesso total. Também com aquele escorregador pudera né 😉 Haja fôlego para acompanhar a pequena. Mas ninguém superou a supremacia da Montanha-Russa do Astronauta, na qual perdemos a conta de quantas vezes ela foi.

parque da monica

 

E agora ela só quer saber de brinquedos que dão aquele friozinho na barriga… Ai ai ai coitado da gente isso sim.

E – Serviços

Bom nesta área, no cantinho direito do parque, estão concentradas as áreas do guarda-volumes e carrinho de bebê, espaço família, ambulatório e bilheteria.

parque da monica

parque da monica
parque da monica

 

Nessa área estão também um grande M de Mônica e a linda estátua do Jotalhão.

parque da monica

parque da monica

 

No geral o parque é bem bonito e tiveram todo o carinho para cuidar de cada detalhe, como mesas com as fotos dos personagens, cadeiras com balões de conversa do gibi, paredes contando um pouco da história e do aperfeiçoamento dos traços de cada personagem.

parque da monica

parque da monica

parque da monica

 

Tudo muito bem feito, fazendo com que a gente entre no universo criado pelo Mauricio de Souza. Uma visita que vale a pena e com certeza iremos novamente quando estivermos em terra brasilis.

 

Mas caso queirem sair do centro da cidade grande de São Paulo, não deixe de ler o post do blog Roteirando sobre a Chácara da Turma da Mônica, muito legal.

Organize melhor sua viagem
  • Já reservou o seu Hotel? Nós usamos e recomendamos o Booking, melhor site para reserva e com opções em todos os lugares do mundo, além disso temos um post com nossas dicas de como escolher o melhor lugar para se hospedar.
  • Já garantiu as Entradas dos lugares que vai visitar? A melhor maneira de economizar tempo e dinheiro é comprar os tickets com antecedência, o TicketBar oferece os melhores descontos e opções nos melhores e mais conhecidos destinos do mundo.
Todas as indicações são de empresas parceiras, seguras, confiáveis e utilizadas por nós.

Viviane N M Amorina

Nasci em São Paulo/Brasil e me formei em Engenharia de Alimentos pela UNICAMP. Sempre gostei de viajar, com a vontade de conhecer mais do mundo. Hoje moro em Ettlingen na Alemanha, onde trabalho e divido meu tempo com minha filha, marido e viagens com família.

12 comentários em “Um domingo divertido no Parque da Mônica em São Paulo

  • 4 de maio de 2017 em 13:27
    Permalink

    Adorei o post. Estive lá 3 vezes já. Porém sinto não ter atração para os pequeninos. Minha sobrinha de 2 anos pagou e podia ir só no carrossel e roda gigante.

    Resposta
  • 4 de maio de 2017 em 13:41
    Permalink

    Haha que massa! Nem sabia da existência deste parque! Curto demais a turma da mônica e tenho certeza que a criançada deve se amarrar em passar um dia ai.

    Um abraço e adorei se relato!

    Resposta
  • 4 de maio de 2017 em 15:15
    Permalink

    Que demais esse parque! A Turma da Mônica fez parte da minha infância inteira. hahaha! Fiquei com vontade de levar meus sobrinhos aí. Adorei! Deve ser muito divertido. =)

    Resposta
  • 4 de maio de 2017 em 15:45
    Permalink

    Fui na versão antiga do parque quando era mais nova, minha mãe penou para me tirar de lá. Preciso conhecer o novo, e pelo que vi no seu post ainda teria dificuldades para ir embora, hehehehe!

    Resposta
  • 4 de maio de 2017 em 16:31
    Permalink

    Oiii, já tinha ouvido falar no Parque da Mônica mas nunca fui. Parece bacana. Comparando com outros de SP você acha que ele é melhor, mais interessante?

    Resposta
  • 4 de maio de 2017 em 18:11
    Permalink

    Que demais! Vale a pena valorizar um dos maiores símbolos infantis nacionais. A emblemática turma da Mônica faz parte da nossa história! Ainda não tenho filhos, mas se um dia tiver farei o possível pra que leiam os quadrinhos da Monica. hehe… O parque parece ser muito legal mesmo! Tenho certeza que a baixinha adorou!

    Resposta
  • 5 de maio de 2017 em 11:12
    Permalink

    Que show! Sempre adorei Turma da Mônica também, devorava os gibis rsrs. Em breve vou ver se levo o meu pequeno lá também! Parece um ótimo programa com eles! Obrigado!

    Resposta
  • 6 de maio de 2017 em 15:16
    Permalink

    Nossa, não sabia que a Mônica é de 1963. Poxa, que pena que vocês perderam os espetáculos. O post está muito bem detalhado, com os horários dos personagens, as fotos estão fantásticas. Sua filha deve ter se divertido muito! Obrigado por compartilhar as ótimas dicas.

    Resposta
  • 21 de maio de 2017 em 18:55
    Permalink

    Preciso voltar! Tenho lembranças maravilhosas desse parque 🙂 preciso de uma criança pra levar pra ter a desculpa hahah

    Resposta
  • 23 de maio de 2017 em 23:08
    Permalink

    O parque deve ser incrível, Edson, estou louca pra levar as crianças até lá, eles amam a Turma da Mônica e imagino que vão ficar encantados assim como a sua pequena que por sinal os olhinhos brilhavam nas fotos rsrs.
    Ótimo post e dicas!
    Abraços.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *