Islândia, dia 3 – Seljavallalaug, Skógafoss, Vík í Mýrdal e Seljalandsfoss

Após enfrentar a força do sol da meia noite e conhecer dois dos lugares mais bonitos da Islândia, era hora de dar continuidade a nossa jornada.

E mesmo zuretas devido à falta de sono, nós demos um tchau para a nossa cabana, pertinho do glacial e fomos visitar Seljavallalaug.

Não deixe de ler nosso planejamento de 5 dias de viagem pela Islândia.

 

viagem islandia seljavallalaug - a caminho da piscina natural

Seljavallalaug

Eu descobri o Seljavallalaug numa pesquisa no Instagram e fiquei maravilhada! É uma piscina com água quente natural, um verdeiro hot spot em um vale lindo.

viagem islandia seljavallalaug - piscina aberta no meio das montanhas da islandia
viagem islandia seljavallalaug - piscina aberta no meio das montanhas da islandia

 

Eu não tive coragem de entrar na água quentinha… Até por que não parecia tão quentinha assim, já que todo mundo ficava na mesma área da piscina 😛 Mas a caminhada até lá oferece lindas paisagens da Islândia. Uma excelente oportunidade de ver as montanhas de pertinho , então aproveitei o passeio.

 

De Seljavallalaug fomos em direção a uma das mais famosas cachoeiras no circuito sul da Islândia, a Skógafoss.

viagem islandia skógafoss - perto da cachoeira

Skógafoss

A Skógafoss é uma das maiores cachoeiras da ilha, com aproximadamente 60 metros de altura e 25 metros de largura. Como é uma das cachoeiras mais visitadas, o local estava bem cheio, e por isso a subida até o topo demorou mais do que esperávamos.

viagem islandia skógafoss - vista da parte de cima da cachoeira

viagem islandia skógafoss - dá para chegar pertinho

Vou ser bem sincera, a parte de cima da cachoeira é bem bonita, mas gostei mais da parte de baixo. Aproveite o tempo para tirar sua melhor foto, espere todo mundo subir para ter uma melhor vista da cachoeira.

 

Saindo de lá, nós fomos para a famigerada Vík í Mýrdal.

viagem islandia vík í mýrdal - cidade pequena que vale a parada

Vík í Mýrdal

E chegamos em Vík í Mýrdal, a cidade com a igreja de teto vermelho e a praia de areia preta com os fofuchos papagaios-do-mar, os Puffins. Mas primeiro fomos saciar a fome da Genoveva no restaurante Halldorskaffi, que não é lá aquelas coisas, porém tem uma sobremesa com merengue que a quase chorei de tão boa.

viagem islandia vík í mýrdal - comida islandesa

Satisfeitos fomos até a Víkurfjara, uma das mais famosas praias de areia preta da Islândia. E olha… realmente não há adjetivos suficientes para descrever a Islândia e seus lugares!

A praia é linda, o dia estava bom e ficou perfeito com sol e tudo mais. A Picurucha adorou atirar pedrinhas no mar e o Maridoviski foi explorar o lado mais pertinho da montanha, tentando achar um puffinzinho (conseguimos até ver alguns rapidamente, porém infelizmente não rolou foto).

viagem islandia vík í mýrdal - praia Víkurfjara da areia preta

 

De lá fomos em direção a Víkurkirkja, a famosa igreja do telhado vermelho que protagoniza várias fotos no mundo virtual. Realmente ver a cidade inteira e a praia a partir da igreja é muito bonito e vale a subida.

viagem islandia vík í mýrdal - igreja Víkurkirkja do teto vermelho




Saindo de Vík í Mýrdal, nós fomos para outra praia, a Reynisfjara.

viagem islandia reynisfjara - praia da areia preta

Reynisfjara

Reynisfjara é considerada o melhor exemplo das praias islandesas, inclusive já tendo sido indicada pela National Geographic com uma das praias não tropicais a ser conhecidas.

E nem preciso dizer que uma praia de areia preta, com formações de basalto e ainda com vista para a Kirkjufjara é perfeita, não?

viagem islandia reynisfjara - parede escada de basalto
viagem islandia reynisfjara - paisagens lindas
viagem islandia reynisfjara - vista linda da Kirkjufjara

 

Antes que eu esqueça todos os locais que fomos parando tem estacionamento gratuito. É só parar e andar de uns 5 a 10 minutos para chegar nesses lugares de sonho.

Voltando a Reynisfjara, gostamos tanto do local que perdemos a hora e infelizmente não conseguimos visitar dois pontos que ficam ao lado, a Kirkjufjara (a ponta da montanha com seu farol) e o Dyrhórlaey (onde é possível ver lindas formações rochosas), pois o acesso à essa área fecha às 17:00 horas. Uma pena… Em compensação, tentando chegar lá, eu pude ver de pertinho (e até fazer carinho em) um cavalo islandês liiindo, fofucho e simpático.

 

Seguindo caminho em direção a Reykjavik, paramos em mais uma das mais incríveis cachoeiras do circuito sul da Islândia, a Seljalandsfoss.

viagem islandia seljalandsfoss - um parque com várias cachoeiras

Seljalandsfoss

A Seljalandsfoss é uma cachoeira estreita, mas uma das mais altas do país, com aproximadamente 63 metros. E a melhor atração da visita é poder andar por detrás da cachoeira. A sensação é indescritível! Ainda mais com a vista do pôr do sol por atrás. Molha um pouco, mas vale a pena.

viagem islandia seljalandsfoss - vista de tras da cachoeira
viagem islandia seljalandsfoss - vista de tras da cachoeira e o por do sol

 

O parque ainda conta com outras cachoeiras e mais adiante tem a Gljúfrabúi, uma cachoeira escondida atrás de uma enorme parede de rocha. Para vê-la melhor é necessário passar pelo riacho, mas como eu não estava de galochas, fiquei somente na abertura da pedra admirando um pouco de longe.

viagem islandia seljalandsfoss - parque com várias cachoeiras
viagem islandia seljalandsfoss - cachoeira escondida

 

Depois foi a hora de pegar a estrada de vez, pois o nosso cozy refúgio em Reykjavik estava esperando por nós.

 

Já leu nosso planejamento de 5 dias pela Islândia e os posts sobre o dia 1 na Islândia, onde visitamos o Spa Blue Lagoon e outros pontos lindos; e o dia 2 na Islândia, com o canyon Fjaðrárgljúfur e a lagoa glacial Jökulsárlón.

 

Ofertas de Passeios na Islândia

 

Ofertas de Hospedagem na Islândia



Booking.com

 

Organize melhor sua viagem
  • Já reservou o seu Hotel? Nós usamos e recomendamos o Booking, melhor site para reserva e com opções em todos os lugares do mundo, além disso temos um post com nossas dicas de como escolher o melhor lugar para se hospedar.
  • Já garantiu as Entradas dos lugares que vai visitar? A melhor maneira de economizar tempo e dinheiro é comprar os tickets com antecedência, o TicketBar oferece os melhores descontos e opções nos melhores e mais conhecidos destinos do mundo.
Todas as indicações são de empresas parceiras, seguras, confiáveis e utilizadas por nós.

Viviane N M Amorina

Nasci em São Paulo/Brasil e me formei em Engenharia de Alimentos pela UNICAMP. Sempre gostei de viajar, com a vontade de conhecer mais do mundo. Hoje moro em Ettlingen na Alemanha, onde trabalho e divido meu tempo com minha filha, marido e viagens com família.

11 comentários em “Islândia, dia 3 – Seljavallalaug, Skógafoss, Vík í Mýrdal e Seljalandsfoss

  • 26 de outubro de 2017 em 17:21
    Permalink

    uaaau!!! amei conhecer esses lugares com nome difícil e paisagem linda! a Islândia é um destino que tô doida pra conhecer. espero que consiga ir ano que vem. essas dicas com certeza serão incluídas no meu roteiro. =)

    Resposta
  • 26 de outubro de 2017 em 17:29
    Permalink

    E lá vem mais um post lindo sobre a Islândia por aqui! Só pra gente ficar babando né? Pena que é caro e fora de mão pra visitar saindo do Brasil, senão os brasileiros já teriam invadido o país! hahaha

    Resposta
  • 27 de outubro de 2017 em 04:29
    Permalink

    Que aventura linda. A Islândia deve ser um dos países mais bonitos da Europa do norte, pena que é tão cara. O sol da meia noite mexeu muito com o vosso ciclo de sono?
    Vou espreitar os outros posts sobre o país

    Resposta
    • 27 de outubro de 2017 em 14:15
      Permalink

      Islândia realmente é um país lindo! A viagem foi maravilhosa e precisamos voltar. O sol da meia noite acabou atrapalhando um pouco sim, mas muito mais no controle do tempo… como escrevi no post do dia 2, você fica na visita e não percebe que está tão tarde. E acabamos dormindo menos, mas como foram só 5 dias, foi OK. Beijo 🙂

      Resposta
  • 27 de outubro de 2017 em 10:25
    Permalink

    Que lugares maravilhosos!!! Morro de vontade de conhecer a Islândia e pareceu uma ótima viagem em família. Lindas fotos. Abs.

    Resposta
  • 27 de outubro de 2017 em 18:05
    Permalink

    Nossa, que paisagens são essas? Nunca pensei que tivesse tanta coisa pra ver e fazer na Islândia, agora me deu muita vontade de conhecer!

    Resposta
  • 27 de outubro de 2017 em 20:43
    Permalink

    Nossa, que demaaaaais! Adorei o seu relato e as fotos estão incríveis. Islândia ta no topo da minha bucket list. Obrigado por compartilhar…

    Resposta
  • 29 de outubro de 2017 em 13:01
    Permalink

    Parabéns por mais este roteiro pela Islândia, adorei as fotos principalmente as de Seljavallalaug, da poderosa cascata Skógafoss e das formações basálticas de Reynisfjara. Muito bom, continua o bom trabalho!
    .

    Resposta
  • 30 de outubro de 2017 em 11:31
    Permalink

    Que lugar incrível e lindo é a Islândia! É inspirador ver esse post, com a família toda indo para esse lugar tão distante e curioso! Abraços e parabéns pelo post!

    Resposta
  • 2 de novembro de 2017 em 19:30
    Permalink

    geeente quanta coisa maravilhosa! amei essas fotos em familia, q coisa mais linda! gostaria de levar a minha tb! essa Seljavallalaug eu conheci pelo insta tb!

    Resposta
  • 2 de novembro de 2017 em 23:13
    Permalink

    Que lugar mais lindo! A Islândia deve ser realmente incrível! Cada lugar maravilhoso que vocês passaram hein! Quero muito conhecer lá, mas por enquanto está bem caro ir pra lá né… Espero que melhore os valores com o tempo, porque com certeza é um destino que ainda vou conhecer nessa vida! rss!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *